• Plano Angelus

Como funciona a cremação?

Na cremação, o que acontece é a redução do corpo em cinzas. Após a cerimônia de despedida, a pessoa que partiu é levada ao forno crematório na urna (popularmente chamada de caixão), procedimento aceito por grande parte das religiões e sem nenhum dano à natureza.


Os procedimentos realizados após a morte, mesmo sendo um evento natural e parte do ciclo de vida, ainda é um tabu.


Quando o assunto é colocado em pauta, gira em torno da saudade, das causas que levaram ao óbito e outros temas relacionados à partida do ente querido. Raramente sepultamento ou cremação são parte dessas conversas.


Um dos motivos para isso acontecer são os mitos sobre como funciona a cremação, seu significado, o que diz a bíblia e determinadas religiões. Mesmo assim, as cerimônias de cremação têm se tornado populares. Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto.


Psicóloga falando sobre o luto com a criança

| O que é a cremação?


A cremação é uma tradição milenar. A técnica funerária que acelera a transformação do corpo em cinzas quando submetido à fornos crematórios próprios, em um processo totalmente ecológico e acessível financeiramente.


O valor da cremação é inferior aos sepultamentos tradicionais, traz um novo significado para a despedida, além de suavizar a etapa final da cerimônia.


| O que dizem as religiões sobre a cremação?


Cada religião tem sua própria visão a respeito da cremação, orientando seus fiéis sobre o processo. Saiba mais a respeito:


Catolicismo — no passado não era autorizada aos fiéis. Atualmente, a Igreja Católica permite a prática e recomenda que as cinzas não sejam guardadas em casa ou espalhadas, mas, sim, mantidas em locais próprios para este fim, como os columbários.


Protestantismo — a fé evangélica entende a escolha do sepultamento como parte livre arbítrio.


Espiritismo — os espíritas acreditam que os laços entre o espírito e o corpo se desafazem lentamente. Por isso, a recomendação é que o corpo seja submetido ao procedimento após 72 horas do óbito.


Budismo — recomenda a cremação para todos os fiéis, pois, acredita que o ato de cremar é desapegar-se por completo do mundo material, libertando-se do sofrimento e da vida terrena.

Hinduísmo — assim como o budismo, a crença Hindu também recomenda a cremação como forma de desapegar da matéria e partir para uma nova dimensão.

| O que acontece com o corpo na hora da cremação?

Dependendo da religião, causa do óbito ou solicitação do familiar, os crematórios esperam de 24 horas a 72 horas para iniciar o processo de cremação.


Durante esse tempo, a urna fica lacrada e guardada em uma sala refrigerada. Depois, vidros e metais utilizados na sua confecção são retirados e só então, a urna com o corpo é levada ao forno crematório.


Após cerca de 3 horas submetida a uma temperatura de aproximadamente 1000°C, com filtros que facilitam a evaporação das roupas e da madeira, ao mesmo tempo que evitam a contaminação do ar, o que fica são apenas os restos mortais, os quais são resfriados, processados e entregues à família em urnas cinerárias.


| O que fazer com as cinzas?


A urna cinerária é discreta, não tem cheiro e, caso aconteça um acidente, as cinzas não são espalhadas para todo o lado como nos filmes.


Antes de ser colocada nas urnas, são acondicionadas em uma embalagem plástica. Por este motivo, as famílias podem guardar a urna em casa.


Mesmo assim, há outras opções para as cinzas. Conheça


Joias de cremação

As joias de cremação são pingentes fabricados artesanalmente a partir das cinzas do ente querido, um serviço disponível para todo o Brasil por meio da Mama Beads e uma forma amorosa de guardar as lembranças das pessoas especiais que já partiram.


Columbário

Os columbários são nichos que abrigam as urnas cinerárias. Esses espaços apresentam um visual mais suave do que os dos cemitérios tradicionais.


Urnas ecológicas

As urnas ecológicas ou biodegradáveis foram pensadas para serem absorvidas pela natureza sem causar nenhum dano ao solo ou ao mar. Inclusive, algumas são acompanhadas por sementes que germinam e se transformam em uma bela árvore.


Espalhar em um local significativo

Algumas famílias optam por espalhar as cinzas do ente querido em um local que tenha significado especial, como o mar, jardins ou lagos. Por serem formadas, basicamente, de carbono, as cinzas não poluem o meio ambiente.

Chegamos ao final do nosso artigo! Agora que você aprendeu o que é e como funciona a cremação, está considerando incluí-la em seu plano?


A taxa de inclusão da cremação individual para associados ao Plano Angelus é de apenas R$8,00, já a taxa para inclusão de todos os dependentes é de R$20,00.


Caso tenha interesse, ligue ou envie WhatsApp para 0800 006 6688.